MASSA FRESCA, uma delícia para fazer e para comer!

A massa fresca é a menina dos olhos da gastronomia italiana, é encontrada em vários formatos dependendo da tradição de cada região da Itália. Massa simples ou recheada, combinada com diferentes e deliciosos molhos é um prazer absoluto!


Não tenha medo de colocar a mão na massa! Parece trabalhoso, mas não é, aliás, fazer massa fresca, em casa, é super agradável, facílimo e relaxante! E o resultado é fantástico! Você pode usá-la para preparar tagliatelle (talharim), pappardelle, lasanha ou fazer massas recheadas como ravióli, canelone, cappellete, tortelloni.


Veja como preparar a massa, passo a passo:

A massa pode ser preparada de várias formas:
1-Com água e farinha.
2-Água, farinha e ovos.
3-Com ovos e farinha.
Ingredientes da massa com ovos:


Para cada 100 g de farinha de trigo colocar um ovo.
500 g de farinha de trigo, mais um pouco para polvilhar a mesa
5 ovos grandes
2 colheres (sopa) de azeite


O azeite deixa a massa mais elástica e mais fácil de trabalhar.

Ingredientes da massa simples:

500 g de farinha de trigo
1 ovo
2 colheres (sopa) de azeite
3/4 xícara (chá) de água filtrada

A quantidade de água dependerá do tipo de tempo que está fazendo e do tipo de farinha, portanto sempre é bom colocar a água aos poucos até dar o ponto de uma massa firme.
Modo de fazer:
1-Preparando a massa – Em uma superfície que pode ser o granito da pia ou uma mesa, colocar a farinha e fazer um buraco no centro.
Quebrar os ovos nesse buraco, juntar o azeite e com um garfo, bater levemente os ovos e misturar, aos poucos, a farinha (ou colocar o ovo e a água).


2- Amassando a massa – Com a palma e o punho da mão, amassar a massa, empurrando e apertando até ficar homogênea e macia.

Se a massa grudar, polvilhar com um pouco de farinha e formar uma bola. A massa deverá ficar firme. Deixar descansar por cerca de 30 minutos.


3- Abrindo a massa – Utilizando um rolo de macarrão, abrir a mesma até a espessura desejada (1 mm para lasanha ou talharim ou papardele, 0,5 mm para massas recheadas como ravióli), sempre enfarinhando bem para não grudar.


4- Cortando a massa manualmente – Enrolar, com cuidado, a massa no rolo de macarrão e deixar secar sobre um pano de prato enfarinhado, por cerca de 10 minutos. Fazer um cilindro com a massa e com uma faca afiada, cortar fatias da espessura que desejar.


5-Cortando a massa com a máquina – Cortar pedaços de massa, enfarinhar e passar pelo cilindro começando pelo número menor e ir aumentando até chegar na espessura desejada.

Cada cilindro, dependendo da marca é diferente, mas normalmente possui um controle de espessura. Quando passar o pedaço de massa achatado pelo número mais largo do cilindro, dobrar a massa em duas ou três vezes e passar novamente, voltar a dobrar e passar de novo diminuindo o espaço do cilindro até que a massa perca a textura granulada e comece a ficar sedosa.
Toda a vez que passar a massa pelo cilindro enfarinhar para não grudar. Passar quantas vezes for necessário.


6- Em seguida passar pelo cortador de talharim ou com uma faca afiada cortar as tiras de lasanha ou de talharim ou do que desejar.

7- Depois de cortada a massa, deixar descansar sobre um pano muito limpo, polvilhada com farinha para evitar que grude.


Se tiver um varal de massa, estender a massa nele para secar.


8- Cozinhar em abundante água fervente com sal, mexendo de vez em quando com um garfo de cabo longo até atingir o ponto “AL dente”. Ponto “al dente”: Essa expressão significa o perfeito cozimento da massa que não pode ser mole e nem dura.

“Al dente” é quando a massa que já está cozida, não apresenta mais nenhum ponto branco em seu interior. Para verificar esse ponto basta retirar um pedaço de massa da panela e ao mordê-la deverá estar macia, porém oferecer uma certa resistência.
9- A massa fresca cozinha mais rápido que a seca.
10- Temperar a massa depois de escorrida com um molho de sua preferência, mas que se harmonize perfeitamente com o tipo de massa.

 

VEJA TAMBÉM:
RAVIÓLI RECHEADO AO MOLHO DE LINGUIÇA
ALCACHOFRA, UMA INFLORECÊNCIA DELICIOSA
Quinua ou Quinoa
Nhoque de batata doce com creme de ricota ao molho de tomate fresco
Imprima essa receita Imprima essa receita envie essa receita por e-mail envie essa receita por e-mail

Recomende:

O QUE ACHOU? COMENTE:

4 ideias sobre “MASSA FRESCA, uma delícia para fazer e para comer!

  1. Mariazita

    Querida amiga
    De facto não parece difícil de fazer, a massa fresca.
    E acredito que dê prazer fazê-la, principalmente a quem gosta de meter a mão na massa…
    Para mim, só tem um problema. Ainda hoje fui à nutricionista que me disse um redondo NÃO a massas de qualquer tipo.
    Depois de perder o peso que quero e preciso perder (engordei uns quilitos quando deixei de fumar, há oito meses) – então virei aqui buscar as receitas. Por enquanto é melhor deixá-las aqui sossegadas, para evitar tentações :)))

    Beijinhos grandes de Portugal
    Mariazita

    Responder
  2. Silvia

    olá
    As suas massas estão com um aspecto delicioso mas parece mais difícil do que nos faz crer:)
    Ando às voltas na net à procura de uma resposta a esta pergunta:
    que farinha devo usar para fazer massa fresca? em Portugal encontramos farinha de trigo tipo 55, 65 ou a farinha de trigo integral tipo 110. Também já encontrei sêmola de trigo. No livro que tenho (Jamie Oliver) ele usa farinha tipo 00 e sêmola. Você usa que farinha? Consegue explicar-
    me? Obrigada e bom apetite

    Responder
  3. Anonymous

    Marizita
    Falo do Brasil. Aqui tem um chef francês de cozinha que fez uma reportagem com um fabricante de massa que usa a farinha de trigo 55 que é a farinha eu uso quando faço massa fresca em casa.
    Marisa, do Rio de Janeiro, Brasil

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>