AGORA É A VEZ DO CHUCHU!

Chuchu, suave sabor da América Central, pois sua origem é atribuída á países como Costa Rica e Panamá.

 

Segundos alguns historiadores essa hortaliça fruto já era cultivada no Caribe à época do descobrimento da América. Trepadeira herbácea, da família das cucurbitáceas, tal como o pepino, as abóboras, o melão e a melancia.
Assim como o tomate, o chuchu é considerado um fruto, pois possui sementes internas envolvidas pela parte comestível, portante esse vegetal, pertence à categoria dos frutos.

Era bem conhecida na antigüidade pelos Astecas e tinha grande destaque entre as demais hortaliças cultivadas na época, devido ao seu sabor característico e bastante suave para ser consumido durante o ano todo. De fácil digestão, rica em fibras e pobre em calorias, bom para um regime alimentar.
Seu consumo não deve ocorrer em sua forma crua, é indicado que seja cozido, tanto em água quanto no vapor ou refogado.
Os brotos de chuchu são ricos em nutrientes como as vitaminas C e B, e também são excelentes fontes de cálcio, fósforo e ferro.

Destaca-se por ser uma fonte de potássio e fornecer vitaminas A e C. Possui uma grande gama de frutos quanto à forma, tamanho e cor. Estes podem ser arredondados ou terem a forma de pêra, mais comumente encontrada nos mercados.
A casca pode ser lisa ou com espinhos, conforme a espécie, sua cor varia do branco ao verde bem escuro. É um dos alimentos mais comuns na mesa dos brasileiros, embora seu sabor não seja dos mais marcantes, mas talvez este seja o seu principal atrativo, pois ele absorve com muita facilidade o gosto de outros alimentos e, por conseguinte, raramente é preparado sozinho.

O chuchu acompanha refogados de cenoura e batata, entra como ingrediente de maioneses e cozidos, pode ser assado, guisado, frito e é muito apreciado em associação com camarão.

É também usado para dar ponto a alguns pratos salgados e doces de goiaba e marmelo (por sua pectina).
É conhecido com vários nomes:
Nos Estados Unidos e no México é chamado de Chayote.
Na Colômbia de Cidrayota.
No Peru de Gayota.
Na Argentina de Papa del Ayre e Cyota.
Nos paises de lingua francesa de Chritophine e Mirliton.
No Brasil de Chuchu, Xuxu e maxuxu.

DICA:

Cortar e descascar os frutos crus sob água corrente, pois estes têm uma liga que gruda nas mãos.

VAMOS ÀS RECEITAS

Eu costumo utilizar o chuchu de casca verde escura, por sua textura e sabor.

CHUCHU AO ALHO E ÓLEO

Meu primo Tonni Silvestri, excelente cozinheiro, me ensinou essa receita que além de ser de fácil preparo é bastante saborosa!

Ingredientes:

2 chuchus de casca verde escura
2 dentes de alho
Sal e azeite a gosto

Modo de fazer:

Lavar os chuchus, descascar, cortar ao meio, retirar a parte branca e cortar em fatias não muito finas.
Em uma panela anteaderente, dourar o alho picado. Adicionar o chuchu, o sal, tampar a panela e deixar cozinhar até o ponto “ao dente”. Balançar a panela de vez em quando para evitar que grude. O cozimento é rápido.

LASANHA DE CHUCHU

 

Ingredientes:

2 chuchus (casca verde escura)
250 g de mussarela fatiada
250 g de peito de peru ou presunto fatiado
Molho de tomate
Molho branco (bechamel)
Farinha milanesa para empanar
Queijo parmesão para polvilhar

Modo de fazer:

Lavar os chuchus, descascar, cortar ao meio, retirar a parte branca e cortar em fatias não muito finas no sentido do comprimento. Empanar as fatias na farinha milanesa, colocar em uma assadeira, regar um pouco de azeite por cima e levar ao forno até começar a dourar.
Na falta da farinha para empanar, fazer uma mistura com farinha de rosca, queijo parmesão ralado, orégano e alho desidratado.

Montagem:

Em uma travessa refratária colocar uma camada de chuchus assados, espalhar por cima uma camada de mussarela, molho de tomate, outra de chuchu, uma camada de peito de peru, molho branco. Polvilhar com queijo parmesão e levar ao forno para gratinar.

CHUCHU AO CREME

Ingredientes:

2 chuchus descascados e picados em cubos
1 cebola picadinha
2 colheres (sopa) de manteiga
1 pitada de noz moscada
100 g de queijo parmesão ralado
1 caixa de creme de leite desnatado
Sal a gosto

Modo de fazer:

Lavar os chuchus, descascar, cortar ao meio, retirar a parte branca e cortar em fatias ou em cubos.
Dourar a cebola na manteiga, em seguida colocar o chuchu, refogar até secar a água que ele soltar. Acrescentar o creme de leite, a noz moscada. Retirar do fogo, colocar em uma travessa refratária e polvilhar com o queijo ralado. Levar ao forno para gratinar.

CHUCHU COM REQUEIJÃO CREMOSO

Modo de fazer:

3 chuchus picados ou fatiados
Meia xícara (chá) de cheiro verde picado
1 vidro de requeijão cremoso

Modo de fazer:

Cozinhar o chuchu em água e sal. Colocar em uma travessa refratária, salpicar o cheiro verde, cobrir tudo com o requeijão cremoso, polvilhar queijo parmesão ralado e levar ao forno para gratinar. Servir quente.

CHUCHU DE FORNO


foto

Ingredientes:

4 chuchus cortados e cubos
1 cebola picada
2 colheres (sopa) de azeite
2 dentes de alho espremidos
3 colheres (sopa) de cheiro verde
3 ovos batidos
1 pimenta dedo de moça
½ xícara de queijo parmesão ralado
Sal a gosto

Modo de fazer:

Refogar o chuchu no azeite, alho, cebola, a pimenta e o sal. Adicionar o cheiro verde e quando estiver quase macio, desligar o fogo e juntar os ovos batidos, o queijo ralado. Colocar tudo num refratário untado e levar ao forno. Assar a 180°C por aproximadamente 40 minutos ou até dourar.

SALADA RUSSA

foto

Quando preparar uma salada russa, adicionar chuchu cozido junto com os outros legumes. Fica muito suave o sabor da salada.

SALADA DE CHUCHU

Lavar os chuchus, descascar, cortar ao meio, retirar a parte branca e cortar em fatias ou em cubos.

Cozinhar o chuchu em água e sal, no ponto “ao dente” e depois temperar com azeite, cebola cortada em meias rodelas bem fininhas, vinagre e orégano.
VEJA TAMBÉM:
RISOTO DE BACALHAU DA CARMEN
PANACHÉ DE LEGUMES, um festival de cores!
LÁ VEM MAIS UMA SEMANA SANTA!
ABÓBORA OU JERIMUM

Cadastre-se

Imprima essa receita Imprima essa receita envie essa receita por e-mail envie essa receita por e-mail

Recomende:

O QUE ACHOU? COMENTE:

9 ideias sobre “AGORA É A VEZ DO CHUCHU!

  1. Mariazita

    Querida Teresa
    Sabe que nunca provei chuchu?
    Mas depois de ler aqui tantas receitas que me parecem bem apetitosas, sinto-me tentada a experimentar…
    Cá já se encntram à venda, nalguns lugares, mas há uns anos não havia.
    Mas penso que os que se vendem cá são cultivados cá mesmo.
    Tenho que experimentar…
    Beijinhos portugueses
    Mariazita

    Responder
  2. Priscila L. Beneducci Afonso

    Oi Tereza, visitar vc e aprender sempre. Lasanha de Xuxu, puxa essa é otima, faz o estilo Calorias Inteligentes. As receitas Pantaneiras tinha 2 que eu tinha ouvido falar e não sabia como fazer. Valeu, agora aprendi, vou tentar fazer. O melhor de tudo, que é tudo facil de fazer. Muito menos complicado do que eu imaginava. Valeu beijão da Pri

    Responder
  3. Marlei

    Nossa! Procurei por receitas de chuchu e encontrei essas maravilhas.Adorei, quero experimentar todas.Ganhei muitos chuchus hj e preciso variar no cardápio.Meu marido e meu filho vão adorar.Bjos!!!Marlei de Lagoa Vermelha- RS

    Responder
  4. Ana Martins

    Boa tarde Teresa,
    conheço muito bem o chuchu e tenho pena de não gostar. Aqui em casa o meu marido e a minha Mãe, comem-no muito bem cozido, a substituir a batata, ou na sopa. Na sopa ainda o vou comendo, está passado e por isso não me apercebo do sabor, mas de outra forma não consigo.

    Beijinhos,
    Ana Martins
    Ave Sem Asas

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>